Vacinação contra Covid-19

A prefeitura de São Gonçalo do Amarante/RN reduz, a partir desta segunda-feira o intervalo para aplicação da dose de reforço da D3. A vacinação contra Covid-19 desta semana seguirá em todas as unidades de saúde, das 8h às 12h; e no campus do IFRN, das 15h às 19h.

Dose de reforço D3

  • Idosos acima de 60 anos que completaram o esquema vacinal há cinco meses para quem tomou a D2 até 20 de maio. É necessário cartão de vacina e documento oficial com foto;
  • Pessoas com alto grau de imunossupressão acima de 18 anos, com a segunda dose (D2) feita há 28 dias. É necessário a comprovação de alto grau de imunossupressão, comprovante da D2 e documento oficial com foto;
  • Profissionais da saúde, atuando no município, que completaram o esquema vacinal há cinco meses para quem tomou a D2 até 20 de maio;
  • Idosos acima de 90 anos que completaram o esquema vacinal há cinco meses. A imunização está sendo em domicílio.

Segunda dose D2 –  É necessário o cartão de vacina e documento oficial com foto.

  • Pfizer para quem tomou a D1 até 25 de agosto;
  • Oxford/AstraZeneca para quem tomou a D1 até dia 25 de julho;
  • Coronavac para quem tomou a D1 há 28 dias.

Primeira dose D1

  • Adolescentes com ou sem comorbidades acima de 12 anos. É necessário que o responsável faça o cadastro do adolescente na plataforma do RN Mais Vacina, e o acompanhe durante a vacinação. Também é preciso levar cópia do documento oficial com foto do responsável e do adolescente, e comprovante de residência.
  • População em geral acima de 18 anos com ou sem comorbidades. Para a D1 é necessário estar cadastrado no RN Mais Vacina, ter o comprovante de residência no nome, e documento oficial com foto. Se estiver no nome de algum familiar, comprovar grau de parentesco.

Internautas em defesa da Rainha

Internautas saíram em defesa, nas redes sociais, de que a Rainha Elizabeth II mantenha o hábito de tomar bebida alcoólica — geralmente, uma taça de martini — todas as noites. O motivo para isso é que uma reportagem da semana passada publicada na revista “Vanity Fair” afirmou que médicos aconselharam a monarca de 95 anos de interromper o consumo de álcool “exceto em ocasiões especiais”.

A informação, atribuída a fontes palacianas, não foi confirmada oficialmente. Ainda assim, internautas no Twitter defenderam que Elizabeth II mantivesse o hábito.  “Meu Deus! Aos 95 eu devo COMEÇAR a beber e a fumar! Acho que com essa idade você ganhou o direito de fazer qualquer coisa que goste”, disse o escritor e apresentador de TV Peter Anthony Holder.

Na mesma linha, outro tuiteiro brincou: “É uma mulher de 95 anos, deixem ela beber. Tenho 56, e se você tentar tirar minha garrafa de tequila de mim eu vou cortar você”. “Ninguém deve dizer a alguém que passou dos 90 anos o que comer ou beber. Queridos médicos, deixem a Rainha beber seu gin martini seco o quanto ela quiser, por favor! Saúde!”, pediu outra tuiteira.

Não há uma resposta pública para isso porque alguns hábitos da monarca britânica são bastante reservados à vida privada dela. A revista “Vanity Fair”, que publicou primeiro a história da recomendação médica”, diz que a preocupação veio porque a rainha passa por um momento de fragilidade meses depois da morte do marido, o príncipe Philip. Informação portal Uol

Mais conforto e alfaiataria

A partir de 22 de outubro, as comissárias da companhia aérea SkyUp Airlines trocam terninhos e saias justas por alfaiataria de modelagem ampla, com direito a calças compridas, camisas sociais por camisetas e os sapatos de salto alto por tênis. A mudança chega após uma pesquisa com as funcionárias, que apontaram como motivo de desgaste no trabalho justamente o uniforme desconfortável.

“Sapatos de salto são lindos, eu não vou discutir isso, mas os pés sofrem e incham ao fim de um voo”, comentou a comissária da companhia ucraniana, Alexandrina Denysenko, à agência Reuters. “Se a tripulação tiver que realizar um pouso na água e uma evacuação, saltos podem danificar a escada e não será muito confortável nadar em uma saia”, explicou.

Em sintonia com o aspecto de conforto do novo uniforme, tranças elaboradas não serão mais exigidas das funcionárias. Elas poderão usar um coque ‘clean’ ou um rabo de cavalo. “Descobrimos que, apesar de a imagem de uma comissária ser bastante romantizada, o trabalho delas exige bastante treinamento físico”, disse a chefe do departamento de marketing da SkyUp, Marianna Grygorash, à agência.

A comissária Zoryana acredita que a elegância continuará presente no visual com a mudança. “Se o mundo todo e todas as fashionistas usam tênis, por que não trazê-lo à aviação?”, questionou.

Congresso de Cirurgia Oncológica

Com realização de 17 a 20 de novembro, o XV Congresso Brasileiro de Cirurgia Oncológica traz temas essenciais à saúde do paciente oncológico.  O evento em formato on-line reunirá expoentes da cirurgia oncológica do Brasil e de diversos países do mundo para trocar conhecimento e discutir as melhores práticas em prol do paciente oncológico. Em discussão, temas que vão da saúde do paciente oncológico – como câncer e fertilidade e impactos da Covid-19 no cenário das doenças oncológicas – até a questões de políticas públicas.

Entre os assuntos atuais e relevantes da Oncologia que fazem parte do Congresso estão temas relacionados com o Trato Gastrointestinal, Oncoginecologia, Oncologia Cutânea e de Partes Moles, Oncologia Torácica, Trato Urinário, Mama, Cabeça e Pescoço, Sarcomas, Doenças Peritoniais, Cuidados Paliativos, Terapia Nutricional, Reabilitação, Pesquisa, Treinamento e Ensino em Oncologia, Construção de Linhas de Cuidado e Políticas Públicas.

“Teremos um fórum que reflete a realidade da oncologia, em que cada vez mais há o fortalecimento da máxima de que as especialidades devem atuar em conjunto para trazer os melhores resultados para o paciente. Isso deve acontecer na assistência e na esfera científica com a troca de experiências e conhecimento. Assim será nosso Congresso”, ressalta o presidente da SBCO.  Mais informações no  https://www.congressosbco.com.br/

Seminário Desenvolve Natal

Contribuir com a sustentabilidade de Natal, conciliando os interesses sociais, econômicos e a preservação do meio-ambiente. Foi com este foco que a Fecomércio RN, reuniu ontem,  no Hotel-Escola Senac Barreira Roxa, vereadores de Natal e o prefeito Álvaro Dias, no Seminário Desenvolve Natal – Debatendo o Plano Diretor. Participante ativo do processo de revisão do documento, a entidade estruturou uma programação técnica, com o objetivo de esclarecer as principais mudanças na nova proposta.

“Desde o início deste processo de escuta à sociedade, reunimos especialistas de várias áreas, que, de forma voluntária, debateram amplamente o tema e apresentaram sugestões de ajustes com foco na modernização das normas. Temos reforçado nosso objetivo de contribuir para um novo Plano Diretor com uma visão contemporânea e focada na sustentabilidade da nossa cidade”, disse o vice-presidente do Sistema Fecomércio RN e responsável por conduzir a abertura do Seminário, Luiz Lacerda.

Em tramitação na Câmara Municipal de Natal, o projeto de revisão do Plano Diretor de Natal foi entregue aos vereadores no último dia 13 de outubro. Principal legislação municipal que orienta o desenvolvimento urbano da cidade, o documento dispõe de um conjunto de normas para organizar o crescimento do município e garantir o desenvolvimento sustentável.

“A Fecomércio RN participou do processo de elaboração do novo Plano e continua contribuindo com a sociedade natalense ao realizar esse Seminário. Principalmente nesse momento em que a Câmara Municipal irá debater o novo Plano Diretor é muito importante um evento como esse, pois permite que os vereadores tirem dúvidas, façam perguntas, e o diálogo com a prefeitura e entidades representativas ocorra de uma forma transparente e clara”, disse.

Salários para professores no Brasil

Levantamento realizado pela Catho, marketplace de tecnologia que conecta empresas e candidatos, revela o ranking de Estados que oferecem os maiores salários para professores no Brasil. O Distrito Federal é o estado com maior média salarial, seguido do Pará e Maranhão, respectivamente. A pesquisa ainda mostrou que, com a volta das aulas presenciais, as vagas para professores auxiliares cresceram mais de 300% quando comparado ao mesmo período de 2020.

Em todo País, é possível notar ofertas que variam entre R$1.700,00 até R$5.000,00. Os Estados que oferecem a maior média salarial atualmente são: Distrito Federal R$5.167,64, Pará R$4.341,34 e Maranhão R$4.223,44. Já o Rio Grande do Norte é o Estado que oferece a menor remuneração para os educadores, com uma média de R$1.798,51.

Abaixo o ranking completo:

Distrito Federal R$ 5.167,64 – Pará R$ 4.341,34 – Maranhão R$ 4.223,44 – Santa Catarina  R$ 4.219,02 – Mato Grosso  R$ 4.187,99  – Mato Grosso do Sul  R$ 4.071,85 -Espírito Santo  R$ 3.924,32 – Goiás  R$ 3.873,49 – Rondônia  R$ 3.811,61 – Roraima  R$ 3.660,94 – Minas Gerais  R$ 3.631,20 – Tocantins  R$ 3.496,85 – São Paulo R$ 3.464,68 – Pernambuco  R$ 3.435,84 – Rio de Janeiro R$ 3.399,90 – Acre  R$ 3.386,51 -Paraíba R$ 3.329,40 – Bahia R$ 3.267,77 – Piauí R$ 3.110,70 –  Paraná R$ 3.049,56  -Amazonas  R$ 2.960,57 –  Rio Grande do Sul R$ 2.944,78 – Sergipe R$ 2.797,33 -Alagoas -R$ 2.550,29 – Ceará R$ 2.496,07 – Amapá R$ 2.078,36  e  Rio Grande do Norte R$ 1.798,51

Quando o assunto é especialidade, os professores de ensino superior são os que encontram propostas de remuneração acima da média. Cargos para lecionar administração e direito  estão entre as maiores ofertas: R$8.761,33 e R$7.130,89, respectivamente. Os educadores do ensino médio vem logo depois com ofertas de salários de R$3.861,64 para práticas pedagógicas e de R$3.749,40 para o ensino de línguas estrangeiras. Já para atuar com o ensino fundamental,as médias salariais são de R$3.035,21 e R$2.941,3 para ensinar educação física e matérias regulares, respectivamente.

Atualmente a Catho conta com mais de 2.000 vagas para professores abertas. Para se candidatar basta acessar o link: https://www.catho.com.br/vagas/?pais_id=31&q=professor.

 

Desempenho Ambiental – Porto de Natal

 

O Porto de Natal foi premiado pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários como primeiro lugar na modalidade “Maior Evolução Anual do Índice de Desempenho Ambiental de Portos Públicos” da categoria Desempenho Ambiental. A cerimônia de entrega do “Prêmio ANTAQ 2021” aos vencedores foi realizada na noite na última quinta-feira em Brasília, onde a CODERN estave representada pela Coordenadora de Meio Ambiente, Maria da Conceição Fernandes de Medeiros.

A premiação tem por finalidade reconhecer as iniciativas que se destaquem por sua contribuição na melhoria da prestação de serviços de transportes aquaviários à sociedade, fomentar a pesquisa e a produção técnico-científica e disseminar as boas práticas de operação e gestão do setor.

Entre os indicadores que são avaliados pelo IDA, estão a situação da licença ambiental e a existência de licença de operação, quantidade e qualidade de técnicos no núcleo ambiental, prevenção de riscos, auditoria ambiental, ação de retirada de resíduos de navios, consumo e eficiência no uso de energia, monitoramento da fauna e da flora e planos de contingência de saúde.

Os resultados do IDA têm auxiliado na orientação de políticas setoriais, bem como permitido identificar medidas de gestão bem-sucedidas a serem compartilhadas entre as instalações portuárias, além de terem baseado estudos acadêmicos e técnicos. A conquista se deve as medidas de gestão tomadas a partir de 2019 e a dedicação dos funcionários envolvidos no trabalho que culminou com a premiação, em especial, a Coordenação de Meio Ambiente, Saúde e Segurança Ocupacional.

Saúde Ocular

A maioria dos adultos -70% em todo o mundo não planeja fazer um exame oftalmológico este ano, apesar de reconhecer a importância crítica da saúde ocular, de acordo com as descobertas de uma pesquisa abrangente e em grande escala da Johnson & Johnson Vision Global sobre Saúde Ocular anunciada antes do Dia Mundial da Visão em 14 de outubro.

A pesquisa deste ano, da Johnson & Johnson Vision, revelou os principais insights sobre o impacto da pandemia na saúde ocular, descrenças errôneas sobre as opções de correção visual de pacientes mais idosos, a relação entre saúde ocular e beleza, e o alto potencial para a intervenção precoce em crianças com necessidades de correção visual.

De acordo com a pesquisa, 86% da população adulta no mundo teme perder a visão acima de qualquer outro sentido. É provável que, em todo o mundo, 88% das pessoas considerem a manutenção da saúde ocular uma prioridade para sua saúde geral. Entretanto, apenas 52% dos entrevistados afirmam que fazem exames oftalmológicos anuais. Além da correção visual e do suporte ao estilo de vida, um exame de vista pode detectar mais de 270 condições médicas – de diabetes a doenças cardíacas.

Convocação da prefeitura de SGA

O Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação está convocando para realização da avaliação psicológica e teste de aptidão física os candidatos ao cargo de guarda municipal que foram aprovados na classificação preliminar da prova objetiva do concurso público da Prefeitura Municipal de São Gonçalo do Amarante/RN.

O cartão de convocação, contendo a data, o local e o horário, será disponibilizado no endereço eletrônico do IBFC – www.ibfc.org.br, na aba “Local de Prova”, a partir de hoje. A avaliação psicológica será realizada na manhã do dia 22 de outubro e o teste de aptidão física -TAF na manhã do dia 24 de outubro. O candidato deve acessar o endereço eletrônico acima para conferir as orientações. A convocação foi publicada no Jornal Oficial do Município, na edição da última sexta-feira.

Passe verde

O diretor-geral da Agência Italiana de Medicamentos, Nicola Magrini, afirmou ontem que está sendo avaliada a possibilidade de liberar o “passe verde”, o certificado sanitário do país, para quem tomou vacinas anti-Covid não autorizadas pela Agência Europeia de Medicamentos. A medida beneficiaria quem recebeu doses das fórmulas produzidas na China, como as da Sinovac Biotech, que no Brasil é chamada de CoronaVac, e da Sinopharm, e na Rússia, como a Sputnik V.

“Acredito que isso terá uma evolução favorável. Está em andamento a avaliação e acredito que será avaliada favoravelmente a ideia de reciprocidade entre os Estados. Isso é importante também na ótica de política externa e não só vacinal”, disse Magrini durante um encontro médico no país.

Essa não é a primeira vez que membros de órgãos do governo afirmam que está sendo avaliada a possibilidade de liberar a entrada de pessoas que tomaram as vacinas, especialmente, as chinesas. Isso porque os imunizantes têm a autorização de uso da Organização Mundial da Saúde, mas não da EMA.

No caso da Sputnik V, porém, não há liberação de nenhuma das duas agências. Atualmente, a Itália aceita em seu “passe verde” as vacinas da Pfizer/BioNTech, da Moderna, da Oxford/AstraZeneca – inclusive a produzida no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz e da Janssen. Informação Portal Uol.

Cozinha Empreendedora

A CDL Natal, em parceria com o Sistema Fecomércio RN, por meio do Senac e a marca Dibufalo, estão promovendo esta semana na cozinha pedagógica da Escola Senac Barreira Roxa, uma competição gastronômica entre empresários natalenses. É o Cozinha Empreendedora, evento que irá reunir empresários de variados segmentos do mercado local, em uma disputa para conhecer quem faz o melhor menu.

Nos dois primeiros dias do evento, os competidores receberão aulas com o instrutor chef do Senac, Thiago Gomes. No sábado será o dia para eles mostrarem o que aprenderam e disputarem o título de “Master Chef da Cozinha Empreendedora”. A comissão julgadora é composta pelo diretor da CDL Natal, Ismaelson Rêgo, o Chef do Restarante Marechal, Marcos Marinho e a instrutora chef do Senac, Elizabeth Assunção.

Inscrições CEI Mirassol e Zona Sul

Com inscrições gratuitas através do site www.estudecei.com.br, os colégios CEI Mirassol e Zona Sul estão realizando   o processo de adaptação para novos alunos que vão ingressar na Educação Infantil e no Ensino Fundamental 1. A iniciativa também envolve os pais dos estudantes, que participarão de conversas com a equipe dos colégios para conhecerem também a metodologia, diferenciais, proposta pedagógica, os pilares e os valores que embasam o ensino das instituições.

Os participantes da adaptação vão ter a oportunidade de serem alunos do CEI por um dia, conhecendo todos os espaços de aprendizagem dentro da escola, a equipe docente, metodologias, como também a vivência de  atividades lúdicas que proporcionam um aprendizado prazeroso, estimulando a criatividade, diversão e também, o socioemocional dos alunos.

“O Período de Adaptação é o momento no qual você e o seu filho terão a oportunidade de conhecer a escola e descobrirem novos caminhos e possibilidades juntos. Princípios pedagógicos e metodológicos, normas organizacionais, espaço físico e muito mais do universo escolar. Tenho a convicção de que os alunos e responsáveis voltarão para suas casas encantados, após conhecerem e vivenciarem tudo que as nossas escolas tem a oferecer. Nossos diferenciais, como o nosso programa bilíngue e outros aspectos que tornam o nosso ensino uma referência no Estado”, assinala Corina Amorim, diretora dos colégios CEI Mirassol e Zona Sul.

Além das adaptações agendadas que podem ser feitas nos dias úteis da semana, de acordo com a conveniência de pais e alunos, há ainda as adaptações dos novos alunos programadas para os dias de sábado, que vão ocorrer em três etapas distintas, para poder abranger um maior número de interessados: a primeira será amanhã, e em seguida nos dias 27 de novembro e 11 de dezembro.

Campanha Natal Sem Fome

 Um relatório recente da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar mostra o retrato cruel da fome no país, agravada com a pandemia de Covid-19. Mais da metade dos brasileiros, 116 milhões de pessoas, se encontram em situação de insegurança alimentar. 46,2% em insegurança moderada. E 9% vivenciam a realidade da fome.

“No Rio Grande do Norte, a situação não é diferente. Segundo dados do CadÚnico do Governo Federal, mais de 1 milhão de potiguares vivem com uma renda inferior a R$ 89 por mês, o que claro, não garante o direito ao básico da dignidade, que é comida na mesa. Isso representa 1/3 da nossa população”, diz Carlos Freire, coordenador da ONG Avoante.

Iniciativas da sociedade civil, espalhadas por todo o Estado, ajudam a amenizar a situação. Esse é um dos objetivos da Campanha Natal Sem Fome, idealizada em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, e que será lançada em todo o país neste  domingo. No Rio Grande do Norte, a ação é coordenada pela ONG Avoante e Coletivo Amigos Contra a Fome. Desde o início da pandemia as instituições juntas: Ação da Cidadania, Avoante e Amigos Contra a Fome, já distribuíram mais de 160 mil quilos de alimentos.

“O Natal Sem Fome surgiu principalmente para colocar em pauta a discussão sobre o tema no Brasil, e paralelamente, arrecadar alimentos que são distribuídos às pessoas em situação de insegurança alimentar. Afinal, ‘Quem tem fome, tem pressa’, como diz o slogan da campanha”, explica Carlos.   Esse ano, por causa da pandemia, a campanha será feita mais uma vez de forma virtual, com doações em dinheiro pelo site www.natalsemfome.org.br. Todo valor arrecadado será revertido em cestas básicas.

Avanço do nível do mar

Recife é a capital brasileira mais ameaçada pelo avanço do nível do mar, de acordo com o Painel Intergovernamental das Mudanças Climáticas da Organização das Nações Unidas. O relatório também aponta a “Veneza brasileira” na 16ª posição entre as cidades do planeta que correm mais risco. Entre as conclusões do relatório mais recente do IPCC, divulgadas em agosto, está a estimativa de que os seres humanos tenham sido responsáveis por um aumento de 1,07°C na temperatura do planeta.

O aumento do nível do mar é apenas um dos efeitos das constantes mudanças climáticas apontadas pelos especialistas. Diversos aspectos fazem com que o Recife seja a cidade mais afetada pelo avanço marítimo, como a geografia, a densidade demográfica e até mesmo a desigualdade social, segundo especialistas. Não quer dizer que a capital vai ser ‘engolida’ pelo oceano, mas sim que tem muitos desafios a enfrentar.

Em 2019, a prefeitura publicou um decreto reconhecendo a emergência climática na capital e anunciou que incluiria o tema no currículo das escolas. Para discutir os efeitos e possíveis ações para minimizá-los, acontece na cidade, até amanhã, o Fórum Internacional Recife Exchange Netherlands que tem como tema “águas como patrimônio: visões e estratégias sobre o aumento do nível do mar no Recife e Países Baixos”. Portal G1

Liege Barbalho